Comportamento dos gatos: o que todo dono precisa entender

O comportamento dos gatos pode gerar um papo sem fim, não é mesmo? Tanto os donos apaixonados quanto aqueles que sentem medo do bichano sempre usam palavras como “misterioso, enigmático e intrigante” para descrever, de modo geral, como eles agem.

Os gatos têm, de fato, um comportamento que desperta atenção, mas a verdade é que descobrir a razão de suas atitudes é tão gostoso quanto necessário para oferecer os melhores cuidados para os felinos.

Pensando nisso, reunimos, neste post, as informações mais valiosas sobre o comportamento dos gatos que vão ajudar a desenvolver uma relação de muito amor e cuidados. Confira.

Por que os gatos adoram espaços pequenos?

A felicidade cabe dentro de um abraço, não é mesmo? Mas, para os gatos, a sensação que os leva a buscar lugares pequenos e fechadinhos é a de proteção que eles trazem consigo no DNA dos seus ancestrais.

A caixa de papelão cria barreiras físicas que trazem aconchego e a percepção de segurança. Ainda que eles não estejam ameaçados, essas sensações trazem prazer e tranquilidade para eles. Sem contar que algumas delas são verdadeiros desafios e, não tem nada melhor do que mostrar para elas quem é que manda no pedaço!

Quais as razões para os gatos ignorarem seus donos em algumas situações?

Os felinos, por natureza, não são animais que andam em bandos muito grandes, e seu gato pode ser um fiel representante desse tipo de comportamento. Assim, eles interagem com você quando querem brincar, estão precisando de carinho ou de serem alimentados.

Mas, em outras situações, vão precisar se isolar para reafirmar sua independência. Esse é um dos comportamentos mais marcantes dos gatos e que muita gente confunde com falta de afeto ou dificuldade de relacionamento com humanos.

A verdade, porém, é que, assim como todo mundo, eles também precisam de um tempo só para si. Então, vamos aprender isso com eles!

Qual seu interesse em acompanhar o banho de seus donos?

Alguns gatos adoram entrar no banheiro enquanto seus donos estão tomando banho, mesmo não sendo os melhores amigos da água. Isso acontece porque o ambiente úmido não permite que os bichanos consigam marcar o território, e isso é um fato curioso e digno de investigação para eles.

Além disso, os felinos gostam de água corrente e conseguem reconhecê-la mais facilmente quando elas estão em movimento. Por isso, a água do chuveiro ou torneiras caindo são atrativos para os gatos.

Eles também gostam muito de brincar com fios de água caindo. Alguns fazem isso porque acham divertido e, outros, para identificar o frescor da bebida, o que é uma boa ideia considerando que os canos esquentam muito em dias de alto verão.

Por que eles insistem em arranhar móveis?

Na verdade, eles arranham móveis, estofados, cortinas e tudo mais que estiver na frente deles para alongar seus músculos e lixar suas garras, que estão em constante crescimento. Ou seja, também é uma atitude natural do gato.

Para que isso não mude a decoração da sua casa, é importante colocar arranhadores que possam satisfazer suas necessidades de arranhar, além de ser um passatempo que relaxa. Eles gostam muito.

Qual o motivo de adorarem sentar sobre o notebook?

Para quem trabalha em casa, esse é um comportamento dos gatos muito comum de se presenciar. Eles fazem isso para pedir sua atenção ou porque o notebook está quentinho e aconchegante.

Na dúvida, dê um pouco de atenção, coloque uma almofada ou algumas cobertas próximo ao seu notebook. Também vale considerar que seu gato está propondo pausas no trabalho que são necessárias para sua saúde e quer cuidar de você!

Como entender o motivo de pedir comida e depois ignorá-la?

Muitos gatos também fazem isso. Pedem seu alimento e, depois, o ignoram solenemente. Esse comportamento acontece porque eles associam a comida com carinho, ou seja, quem os alimenta os ama.

Isso faz todo o sentido, oras! Principalmente quando a comida é saborosa. Aí, a sensação de ser amado é ainda mais intensa. Além disso, por ser um ato repetido várias vezes e correspondido pelos seus donos, vira uma sequência que eles gostam de observar.

Aqui vale uma dica! A mudança repentina do padrão de alimentação deve ser observada com carinho, pois pode ser um indicativo de que ele não está bem, principalmente quando outros comportamentos também mudam, como evitar lugares claros, rosnar, ficar de olhos fechados por muito tempo e gemer. Nesses casos, procure seu veterinário, combinado?

Por que eles mordem as unhas?

Apesar de não parecer, o padrão das unhas dos felinos é como o dos humanos, ou seja, é feita de camadas. E, assim como acontece no nosso caso, algumas vezes a unha deles lasca.

Por isso, se seu gato está mordendo as unhas, provavelmente está tentando tirar uma parte que esteja solta, e isso é normal.

Porém, é válido observar a regularidade com que isso acontece, pois, assim como nos casos de pessoas que roem as unhas, esse pode ser um sinal de ansiedade, estresse. Se a incidência estiver alta e a área próximo da junção com a pele estiver avermelhada, o melhor é consultar o veterinário.

Como entender o comportamento dos gatos com sacolas plásticas?

A sacola plástica faz um som divertido, se movimenta na corrente de ar, mas, não é só por isso que elas atraem a atenção do seu gato.

É provável que o som que ela emite pareça como a de uma presa fugindo do seu gato, o que é bem estimulante, mas, além disso, as propriedades da sacola plástica também geram interesse, já que o cheiro de alguns elementos químicos dela são similares ao do feromônio.

Além disso, suas propriedades, como a presença de lanolina e sebo em algumas delas, são ótimos lubrificantes que seu gato pode utilizar para sua higienização, por exemplo.

Esses comportamentos dos gatos e muitos outros são normais e estão relacionados à personalidade e a experiência de vida do animal. É isso mesmo, apesar de serem misteriosos, enigmáticos e intrigantes, como muitas pessoas acham, também são carinhosos, protetores e muito fiéis quando vivenciam a sensação de pertencimento na família de seus donos.

E os seus, demonstram algum comportamento de gatos em particular ou mania que você ama e acha que é só deles? Compartilhe essa história nos comentários. Quem sabe não descobre outros bichanos pelo Brasil que também agem assim, não é mesmo?