Mau hálito canino

O mau hálito canino apesar de comum não deve passar despercebido, casos em que o odor é desagradável e sentido de longe pode indicar desde má limpeza oral até problemas digestivos. Por isso, se o “bafo” for persistente, leve o cão ao veterinário para um devido diagnóstico.

Uma boca saudável é como a dos humanos, dentes brancos, gengivas rosadas e não deve apresentar cheiro desagradável.

Causas

Algumas raças e hábitos de higiene geram maior propensão para sofrer de mau hálito:

– Raças pequenas, porque os dentes ficam mais juntos
– Raças de focinho curto;
– Dietas moles (ração úmida) e ricas em proteína;
– Excesso de guloseima;
– Falta de higiene oral.

Prevenção

É recomendável que os caninos tenham uma escovação diária para prevenir o surgimento de placas e tártaros. Possivelmente haverá um tempo de adaptação para o cachorro acostumar à escovação. Ter essa rotina desde filhote facilita o processo. Existem pastas dentais e escovas específicas para os pets.

Escovação

Para acostumar seu cão à escovação separe o processo por partes. Por exemplo, nos primeiros dias passe a pasta própria para cães nos dentes e gengivas do animalzinho. Em outro dia com a escova apropriada para cachorros, faça movimentos circulares entre bochecha e gengiva. Em outro dia puxe a boca do cão para visualizar toda a região oral e escove os dentes procurando remover os resíduos de comida.

Dica para auxiliar no mau hálito

Caso o cachorro não se adapte ou a seja difícil de manter a rotina, há os petiscos dentais. A Baw Waw tem o petisco Dental Care, que contém hexametafosfato de sódio, capaz de prevenir a placa bacteriana dos dentes do seu pet evitando a formação do tártaro.

Já em casos avançados, em que o cachorro já tenha uma doença periodental a provável alternativa é a remoção da placa bacteriana através do polimento dental feito pelo veterinário.

Não hesite consultar seu veterinário caso seu pet apresente um hálito muito forte ou alguma alteração de comportamento, como evitar comer ou dificuldade de engolir.

Lembre-se, cachorro saudável é cachorro feliz.

Fontes: O meu animal, Geração pet, Tudo sobre cachorros