Cães e gatos podem contrair dengue?

Atualmente nos encontramos em meio a uma epidemia que, infelizmente, torna-se comum: a dengue.
Essa epidemia assusta os donos de pets, que imaginam como os pets suportariam os agudos sintomas dessa doença. Por isso, muitos se perguntam: os cães e os gatos podem contrair a dengue? A resposta é NÃO!

Após infectado pelo Aedes aegypti, o ser humano possui um tratamento muito limitado, podendo aliviar os sintomas apenas com medicações específicas para abaixar a febre e controlar a dor, até porque, só é possível alcançar a cura por meio de anticorpos.

Motivo

Apesar dos mosquitos picarem outros animais, eles não conseguem transmitir a doença a eles. Mesmo com tantas especulações sobre o assunto, a verdade é que o mosquito só possui a capacidade de transmitir a doença para os humanos. Somos o único vertebrado capaz de hospedar o vírus.

Outras doenças

Ainda assim, é importante lembrar que apesar dos pets estarem imunes à dengue, eles estão expostos a outras doenças graves causadas por mosquitos e devemos ficar atentos para nos prevenir.

A dirofilariose ou “verme do coração” é a doença mais comum causada por mosquitos em animais domésticos, mais comum em caninos do que felinos. A doença se trata de um verme que atinge as artérias pulmonares e o coração, podendo provocar dificuldades para respirar e problemas cardíacos graves.  Os animais que estão com imunidade baixa, ou seja, doentes, são as maiores vítimas do mosquito Culex, transmissor da dirofilariose.

Precaução

Para evitar que os mosquitos ataquem os seus pets, é importante ir ao veterinário e se informar. Já existem medicamentos que previnem essas doenças, impedindo o crescimento da larva após a transmissão.

Não deixe para depois, pode ser tarde demais! Os seus bichinhos merecem toda atenção e cuidado, leve-o periodicamente ao veterinário.