Cachorro com dor na coluna: causas e tratamento

Sabe aquela dorzinha que costumamos sentir na coluna em dias de muito esforço ou até por estresse? Pois é, os cachorros também podem sofrer de dor na coluna.

A coluna vertebral dos cães, assim como a nossa, é composta por ossos pequenos chamados de vértebras. Elas são alinhadas uma atrás da outra e entre cada uma há uma estrutura conhecida como disco intervertebral.

Estes discos funcionam como uma almofada amortecendo os impactos. Eles permitem os movimentos da coluna sem que haja atrito entre as vértebras. Mas quando o cão se torna idoso, sofre algum acidente e/ou tem predisposição genética pode ocorrer o desgaste dos discos.
Fazendo com que os sintomas da discopatia (ou hérnia de disco) apareçam.

Os sintomas que essa doença causa são dores na coluna e a dificuldade para andar ou correr, mas, em casos mais graves, pode gerar a perda dos reflexos das patas, do controle da bexiga e dos intestinos, paralisia e dor aguda.

Essa doença pode ocorrer em qualquer tipo de cachorro, por isso, fizemos separamos dicas para ajudar você a evitar o processo de desgaste ósseo em seu peludinho.

Escadas, sofá e camas

Tente evitar que o seu cachorro suba e desça escadas o tempo todo. No caso de sofás e camas você pode ajudá-lo a subir ou utilizar acessórios como uma minirrampa.

Pulos

É quase impossível evitar que os cães façam esse movimento, mas o ideal é que a intensidade diminua.

Comedouros mais altos

Para não forçar a coluna do seu bichinho, coloque o comedouro em um suporte. Comedouros muito baixos, além de desconfortáveis, podem causar problemas digestivos e danos à coluna e às articulações, entre outros.

Caso o seu cãozinho aparente dor na coluna ou qualquer um desses sintomas, recomendamos que você o leve ao veterinário para uma avaliação detalhada. Quando o problema é diagnosticado no início, os cães respondem melhor ao tratamento.